terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Passei das marcas

e muito!
Ai ai.
Tenho andado constipada (e eu a pensar que este ano conseguia atravessar o inverno sem uma constipação) e ontem fui à farmácia comprar umas pastilhas para a garganta.
Pois. Não consegui passar pela balança sem me sentir tentada a ir lá para cima. Lá vai a moeda de 50 (bolas!!! 50 cêntimos por um papel?!) e... aaaaaiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!
Tenho 10 quilos a mais que aquilo que deveria ter (aquilo que consegui conquistar há quase 2 anos atrás...)!
Isto assim, visto no papel ainda me aterroriza mais. Se fosse uma balança normal, daquelas que não sai o papel eu acho que era mais fácil esquecer este pesadelo.
E chega a primavera, roupas mais curtas e justas, depois o verão e o bikini (ai!!!)... e então decidi que tem de ser. Plano de acção estratégico para eliminar uns bons quilos a mais. Pela experiência anterior lembro-me que dava para perder cerca de 4 quilos por mês, sem deixar de comer. Basta:
* acabar com os cafés ou reduzir para 1/3 (não é o café, é o pacote de açúcar que vai lá dentro...);
* doces: 0 (e com isto quero dizer zero, nada mesmo. custa muito, sim, é horrível para uma pessoa que adora doces como eu mas é por uma boa causa. É só fazer um GRANDE esforço para ter isto em mente :D );
* reduzir o consumo de carne (pelo menos a mim ajuda)
* comer mais sopas, vegetais, fruta e gelatina como sobremesa ou lanche;
* ah, e não esquecer de trocar o leite e bolachas ou o nestum do pequeno-almoço por uns bons cereais sem sabor :P
* por ultimo e não menos importante: voltar a andar de bicicleta. Sim, porque isto de andar de carro para todo o lado é muito confortável e poupamos muito tempo, mas a celulite e a falta de energia estão directamente relacionadas com a falta de exercício físico (falo por mim).

E pronto, é isto. Agora vamos ver quanto tempo aguento....
Bem, o facto de escrever isto tem esse fim, o de cumprir mesmo este plano. Há coisas que se tornam reais no momento em que as colocamos para fora, seja através da voz, da caneta ou do teclado, e acredito que a força de vontade para cumprir objectivos tem essa necessidade. Deixar de fumar é mais ou menos a mesma coisa é uma questão de vontade e essa vontade cresce muito no momento em que colocamos tudo para fora e dizemos para nós mesmos: eu consigo porque eu sou forte o suficiente!

Vocês!.... Foram vocês que me atraiçoaram!!!
Bem, vamos esquecer esta imagem, ok?

Etiquetas:

1 Comentários:

Blogger Claudia disse...

Olá, Mónica!
Quanto tempo!!
Suas fotos estão maravilhosas! pura poesia!
(Ah, e boa sorte no seu programa "caloria zero"! eu tb estou urgentemente precisada de um desses... rsrsrs)
beijinhos

17 de fevereiro de 2011 às 12:41  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial